MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO QUE SERÃO COMPRADOS EM 2021

Num universo de consumidores com intenção de reformar seus lares, quais seriam as categorias de produtos mais compradas para esse fim?

Na Pesquisa 2 | 2020 (finalizada em novembro), que entrevistou 1.038 prováveis consumidores e consumidoras de materiais de construção (61,6% mulheres e 38,4% homens), nas 13 maiores Unidades Federativas do País, cujo filtro era a intenção de realizar obras/reformas residenciais num período máximo de um ano, investigamos esse assunto.

Somente para quem passou pelo filtro, sugerimos seis macrocategorias e solicitamos que os (as) entrevistados (as) indicassem quais seriam os tipos de obras/reformas, e, em seguida, quais as categorias de produtos que seriam compradas.

Do total da amostra, 85,9% tinham intenção de pintar seus lares; 66,9% de trocar pisos e revestimentos para parede; 50,8% realizar obras básico/estruturais; 46,1% reformar/colocar parte elétrica; 41,2% reformar/colocar louças sanitárias, e, por fim, 36,9% reformar/colocar parte hidráulica.

Quando refinamos os dados por categorias de produtos, chegamos as dez que mais serão compradas para esses tipos de obras: 1) tintas para pintar parede e teto, por 78,2% do total de entrevistados (as); 2) pinceis, trinchas, rolos, bandejas e demais acessórios para pintura, por 64,5%; 3) cimento, por 45,7%; 4) fios e cabos, por 39,7%; 5) tijolo, por 38,8%; 6) argamassa, por 37%; 7) pias/lavatórios para banheiros, por 35,9%; 8) pisos cerâmicos, por 35,6%; 9) lâmpadas, por 32,1%, e, por fim, 10) porcelanato, por 31,4%.

Como qualquer pesquisa de intenção de consumo, os dados estão sujeitos a inúmeras variáveis que poderão alterá-los, porém, são absolutas as informações de latências e desejos, logo, tendências.

Tais informações adquirem maior relevância, paralelamente à necessidade de uma gestão de categorias nas lojas que atenda melhor os anseios dos consumidores pós-pandemia, inclusive, necessidades e desejos surgidos durante o período de isolamento social.

Apenas para ilustrar melhor esse ponto, 19,7% desses prováveis consumidores foram motivados a reformarem seus lares, justamente, por necessidades e desejos surgidos durante o isolamento social.

Enfim, esse é um exemplo macro de categorias de produtos que serão compradas, porém, com certeza, há outros exemplos mais adequados para os lojistas que melhor entenderem suas peculiaridades e a importância desse gerenciamento.


Aos leitores que tiverem interesse em receber a tabela com as principias categorias de produtos que serão compradas, solicitem pelo e-mail de contato do portal.

A Fundação de Dados é um sistema de inteligência de mercado especializado no consumo de materiais de construção, móveis e itens para o lar, que realiza pesquisas e estudos próprios, multiclientes e customizados.

Newton Guimarães

Head
newton@fundacaodedados.com.br

Clientes Parceiros